A Pedra Maia não Previa o Fim do Mundo

Mistérios

Previsão Maia para 2012

Um artefato de origem Maia com escrita profética ficou famoso por uma suposta previsão do fim do Mundo. O que, de fato, ele previa?

O Artefato não Previa o Fim do Mundo.

Uma placa de pedra com antigos escritos Maias é alvo da curiosidade e estudo de diversos cientistas. Intrigados, eles tentam desvendar os mistérios por trás das inscrições. Que apontam para uma previsão. Embora ainda não haja consenso entre os estudiosos.

Segundo alguns imaginavam, a placa previa um evento que podia ser catastrófico. A data prevista era 21 de dezembro de 2012. Uma data descrita como o fim do calendário Maia. O que sugeria uma grande transformação ou sequência de eventos. Que poderia ser o fim do mundo.

Hollywood Mostra o Fim do Mundo Maia

Entre tantas outras previsões de apocalipse, esta previsão Maia sempre fez circular grande número de teorias. Chegando até Hollywood com o filme 2012 (estrelado por John Cusak e Amanda Peet).

SINOPSE: Bilhões de habitantes da Terra não estão cientes de que o planeta tem uma data de expiração. Com os avisos de um cientista norte-americano, os líderes mundiais começam os preparativos secretos para a sobrevivência de alguns membros da sociedade. Quando o cataclisma global finalmente ocorre, o fracassado escritor Jackson Curtis tenta levar sua família para um lugar seguro quando o mundo começa a desmoronar.

O que a Pedra Maia Previa para 2012?

Pedra Maia com Previsão sobre a Volta de Bolon-Yokte para 2012

Como sabemos o mundo não acabou em 2012. De lá para cá, porém, uma série de mudanças radicais e aceleradas têm tomado conta de nossas vidas. O evento mais catastrófico, sem dúvida, foi a explosão da pandemia da COVID19 – com graves consequências para todo o planeta.

Porém a história contada na pedra fala sobre um Rei. Presente na Terra desde 900 mil anos atrás. A história segue até 600 d.C. até dar um salto para o ano de 2012. A partir daqui as coincidências ganharam corpo para que admitisse que essa pedra corroborava a previsão do fim do mundo.

Mas também é a parte destra pedra, desgastada e incompleta, que causa a maior controvérsia entre estudiosos e curiosos. Pois ela fala sobre a volta do Deus Bolon-Yokte, no final do calendário Maia. Ou seja, no ano de 2012.

Quem é Bolon-Yokte?

Bolon-Yokte é um Deus que, segundo a cultura Maia, esteve presente na Terra desde a Criação do homem. Além disso, era descrito como um poderoso Ser. Com incrível conhecimento sobre todas as coisas do Universo e capaz de voar.

Suas descrições falam sobre um Ser alto e iluminado. Sua presença é referenciada em diversas eras do planeta. Mas sempre ligada à criação. O que nos leva a imaginar que ele era um Deus criador.

A Previsão Maia é Sobre Sobre Bolon-Yokte?

Segundo as lendas Maias antigas, Bolon-Yokte desceu dos céus à Terra. Os teóricos dos Antigos Astronautas acreditam que ele seja, de acordo com suas descrições, como uma Entidade Estelar de Luz (Leia aqui sobre Ashtan Sheran).

Em outros escritos, da época das invasões espanholas no México, alguns documentos citavam a vinda de divindades em períodos trevosos. A pedra Maia não previa o fim do mundo. Ao que tudo indica, profetizava a descida dos céus de um Deus, Bolon-Yokte.

Que viria, como fez em outros períodos de tribulações. Sempre ligado aos eventos de criação, essa volta do Deus pode estar ligada ao fim do calendário Maia como uma pista. De um novo mundo sendo criado a partir do ano de 2012.

Assine nosso Feed no Google Notícias e fique por dentro das postagens direto no seu smartphone.

e Se For Verdade?

e Se For Verdade?

Fatos Desconhecidos, Lendas Urbanas, Sobrenatural, Mistérios e Ovnis

Secured By miniOrange