Quando o mundo entrasse na Era de Aquarius, crianças com inteligência acima da média começariam a nascer em diversos locais da Terra. As Crianças Índigo.

Além da inteligência sobrenatural, teriam uma aura diferente, segundo os sensitivos, além de poderes especiais como telepatia e vidência. Essas crianças seriam conscientes de como acessar os registros akashicos facilmente. O nível de conhecimento das Crianças Índigo seria uma prova da existência desses registros.

As crianças seriam vetores de uma mudança de nível de consciência do Planeta Terra. Segundo os espíritas, esse momento seria uma ascensão de um planeta de provas e Expiações para um planeta de Regeneração. Essas mudanças seriam parte da reunião onde Chico Xavier esteve presente, no plano espiritual.

 

As Crianças Índigo Seriam a Esperança de uma Mudança na Consciência Espiritual do Planeta

 

Algumas Crianças Índigo teriam sido identificadas. Um dos casos mais emblemáticos seria a do menino Boriska, Nascido na Rússia. Boriska assombrou seus pais e amigos ao ser capaz de descrever o sistema solar com maestria, ainda que não o tivesse estudado na escola ainda. Também contava histórias de seu passado e fazia revelações sobre civilizações que viviam embaixo da terra.

Além da visão espírita, as Crianças Índigo estão entre os conhecimentos de outras religiões e também as ciências metafísicas. Muitas investigações tentam desvendar o mistério em torno dessas crianças, já que fenômenos parecidos têm acontecido em diversos lugares do mundo com o surgimento e crianças com inteligência e poderes paranormais. Além de uma consciência livre de culpa, liderança latente e a certeza de uma missão na Terra. Características definidas como essenciais para identificar essas Crianças Índigo.

O lado sobrenatural dessa história refere-se ao fato de que essas cria;das poderiam influenciar nossos pensamentos através de telepatia. Elas seriam capazes de nos guiar com o poder da mente mudando a vibração de nossos pensamentos. Podendo, Assim, influenciar nossos pensamentos e mudar nossas atitudes. E se for verdade?